sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Diagnóstico

E construímos o amor sobre a areia. Uma base fraca, feita de mentira, traição, medo, insegurança. Tanta coisa. Quando veio a tempestade, a estrutura que a gente tinha era fraca, suja, fria. A tempestade levou o amor embora e deixou só o alicerce vivo: nossa imaturidade. O amor voa com o vento, levando a saudade e as lágrimas. Um dia as trará de volta, com outras cores e gostos, porém com a mesma coragem.

Nenhum comentário: