terça-feira, 29 de março de 2011

Fallen


Estou passando por um momento de reconstrução interior muito intenso. Coisas que pensava que iriam me fazer bem, efetivamente me fizeram, mas estão perdendo o sentido e me deixando entorpecido. As coisas ruins também, têm causado um efeito bombástico agora, depois de tanto tempo.
Medos que eu pensava que nunca mais iria superar, estão na palma de minhas mãos prontos para serem engolidos pela minha coragem. 
Por isso a ausência, o silêncio. Ainda não estou conseguindo lidar bem com ele, e pretendia não escrever nada enquanto este momento não passasse. Quebrei minha pretensão com estes breves parágrafos, mas deixo aqui este texto (também breve) que me parece muito claro neste momento.


Se você é...

Se você é um vencedor,
terá alguns falsos amigos
e alguns amigos verdadeiros.
Vença assim mesmo.

Se você é honesto e franco,
as pessoas podem enganá-lo
Seja honesto e franco assim mesmo.

O que você levou anos para construir
Alguém pode destruir de uma hora para outra.
Construa assim mesmo.

Se você tem paz e é feliz,
As pessoas podem sentir inveja.
Seja feliz assim mesmo.

Dê ao mundo o melhor de você,
mas isso pode nunca ser o bastante.
Dê o melhor de você assim mesmo.

Veja você que, no final de tudo
Será você ... e Deus.

E não você ... e as pessoas!



*Apareceu para mim, o poema, como sendo de Madre Teresa de Calcutá. Mas duvido da vericidade dessa informação (não pela Madre, mas pela quantidade de sujeira na internet). Fica aí a curiosidade.

2 comentários:

Lu. A. disse...

Ah, meu caro amigo.
Acredito que todos nós vamos passar um dia, por fases assim.
Sei também, que nem sempre esses, serão os melhores momentos. Mas tenho certeza que nos servirão muito.
Os medos que um dia tivemos,as vontade que deixamos de ter. Tudo isso que pensamos ser passageiro, de repente volta á tona. E sempre isso nos deixa confuso, sempre!
E eu sei, novamente, que você passará por isso, antes mesmo do que imaginar.
E espero, estar, entre esses, os amigos verdadeiros. Ou ao menos aqueles, que você possa ter certeza, que te querem bem de alguma forma.
Um beijo.

Beto Mancuzo disse...

Nunca faça a opção pela ausência do silêncio. Isso pode reprimir e fazer com que a evolução do pensamento pare de funcionar e acaba a criar a 'acomodação'.
Não tenha medo seja destemido ao que seu pensamento mandar, e não se esqueça que se falhar é só levantar e continuar tentando.

Parabens pelo Blog, Sou um fã de suas palavras.